Retrospectiva 2006

Mudei-me para Matinhos, litoral do Paraná e tentei iniciar uma carreira nova de fotógrafo de surf, que naufragou no início do inverno por falta de retorno ($$$). Ao invés de voltar para Curitiba, fiquei por aqui curtindo uma vida simples. Simples, mas com direito a roubadas com os amigos, descobertas e aventuras culinárias. Acostumei total.

Surfei bastante, peguei muitos jacarés, andei na pedra, pedalei com a família, brinquei de skate e voei de teco-teco. O carveboard teve atenção VIP, participando de um programa de TV, uma matéria de revista e do primeiro campeonato paranaense. Viajei para Mariscal no Carnaval e Farol de Santa Marta no 7 de Setembro. Fui para Curitiba ver os shows do Toy Dolls e do Strung Out. A banda? Fez um ensaio :)

Brinquei bastante com tecnologias Web, lutei contra menus indomáveis e descobri os segredos dos Webdesigners Antenados. A moral da história é: webmonkey sofre :) Reflexo destes estudos, o site mudou bastante durante o ano (vide fotos), contando com alguns extras vindos do Google. O blog ficou chique e veio para o WordPress.com.

v1.0 Limãozinho Genius TopVerde

Mesmo tendo visto a “tela azul” e sofrido com a pifada do HD, minha lua-de-mel com o Mac continua, tendo completado dois anos. Continuei criando programas novos em AppleScript, mantendo-me no time de brasileiros que desenvolvem para o Mac. Descobri que usuários de Mac pagam por software. Fiquei muito feliz com as conquistas do Adium Book, o programa que saiu em uma revista francesa e foi muito baixado e elogiado em sua versão nova.

Os programas livres/abertos multiplataforma não ficaram de lado. O txt2tags completou cinco anos de vida e ganhou versão nova no Natal. As Funções ZZ também foram atualizadas, ao vivo! O txt2regex ganhou um novo dono e nasceu um filho novo: o contador de centavos MoneyLog Experience.

O lado escritor trabalhou bastante este ano. Lancei o livro Expressões Regulares – Uma Abordagem Divertida, que com sua capa colorida e lúdica, ficou entre os mais vendidos e confundiu os funcionários das livrarias. O livro de shell ficou para 2007. Iniciei a coluna Desenvolverde na Dicas-L e reuni vários amigos programadores de renome no blog colaborativo CODARE.

Entre outras esquisitices, plantei feijão no tanque, ganhei um sorvete, o mecânico consertou o carro apenas com palavras, entrei na era da banda larga, ressuscitei meu tocador de mp3, lancei um curso de bateria para quem não tem bateira e fiz as pazes com o telemarketing.

É… Mesmo com uma vida simples em uma cidade pequena, foi um ano bem agitado :)

— EOF —

Gostou desse texto? Aqui tem mais.

comments powered by Disqus