Ida ao banco em Matinhos

Recebi um e-mail que me avisou de um pagamento que eu tinha que fazer no Banco do Brasil. Saco, ir ao banco… E antes ainda tinha que passar na lotérica para retirar o dinheiro. Saco duplo.

Minha bicicletaMinha bicicleta féchiom

(10:57) Montei na bicicleta e saí em direção ao Centro da cidade. Fui pela ciclovia da beira-mar, que é o caminho mais comprido, porém posso ir apreciando a paisagem. Ainda mais com esse sol forte, céu limpo e brisa refrescante.

(11:00) Perto do Pico de Matinhos encontrei dois amigos surfistas, que tinham acabado de sair do mar, o Júnior e o Juninho. Batemos um papo rápido. Ah, o “Juninho” é mais velho que o “Júnior”.

(11:04) Cheguei na lotérica, que fica no “Centro”.

(11:04) Coloquei a bicicleta no bicicletário. Não prendi, não precisa.

(11:04) Entrei e já fui atendido. Não havia filas nos caixas.

(11:06) Saí da lotérica com o saque feito e o dinheiro no bolso.

(11:06) Atravessei a rua, pois o Banco do Brasil é na frente da lotérica.

(11:06) Entrei no banco, subi a escada e vi a fila com cinco pessoas para duas funcionárias nos caixas. É, vai demorar um pouquinho…

(11:11) “Bom dia! Quero fazer um depósito de X nessa conta.”

(11:11) “Obrigado.”

(11:12) Já fora do banco, monto na bicicleta e inicio o caminho de volta, novamente pela beira-mar para apreciar a paisagem.

(11:17) Cheguei. Ufa! ;)

Praia de MatinhosA querida Praia de Matinhos, onde moro

Se eu estivesse em Curitiba teria que…
Bem, deixa pra lá.
Preguiça só de pensar :)

— EOF —

Gostou desse texto? Aqui tem mais.

comments powered by Disqus