Índice Anterior Próxima

Seja específico

Está gostando da leitura? Está aprendendo? Compre o livro novo que traz mais conteúdo, texto atualizado e ilustrações!

E agora a regra de ouro, aquela que acaba resumindo as outras, a mãe de todas: seja específico. Memorize bem isso: seja específico. De novo: seja específico.

Se você sempre tiver esta regra em mente ao construir uma ER, as chances de falha ficam muito reduzidas. Os metacaracteres são vários e servem para criarmos um universo de possibilidades para casarmos um texto, então o quente é fazer um universo restrito, onde todos os componentes fazem sua parte no todo, cada um com seu pedacinho.

Algumas regrinhas e dicas de como ser específico já foram vistas, mas basicamente para isso, primeiro você deve saber exatamente que tipo de dados procura. Um conhecimento do trecho que se quer casar acontece quando se pode responder a estas três perguntas:

Sabendo o que se quer, basta traduzir isso para uma ER, lembrando sempre de evitar generalizações como o ponto, o curinga, a lista negada, ignorar maiúsculas e minúsculas, não usar âncoras. Sempre descreva em detalhes suas intenções, delimitando e especificando bem sua ER.

Em outras palavras, se você está com fome, não diga simplesmente "Quero uma pizza", diga: "Quero uma pizza de calabreza, sem cebola, tamanho médio, cortada em 8 pedaços e com borda de catupiry". Percebeu a diferença? &:)


Índice Anterior Próxima