Índice Anterior Próxima

Chaves: o controle {n,m}

Está gostando da leitura? Está aprendendo? Compre o livro novo que traz mais conteúdo, texto atualizado e ilustrações!

Aqui Chaves não é o au?tor mexicano preferido de 10 entre 10 brasileiros. As chaves são a solução para uma quantificação mais controlada, onde se pode especificar exatamente quantas repetições se quer da entidade anterior.

Basicamente, {n,m} significa de n até m vezes, assim algo como 6{1,4} casa 6, 66, 666 e 6666. Só, nada mais que isso.

Temos também a sintaxe relaxada das chaves, em que podemos omitir a quantidade final, ou ainda, especificar exatamente um número:

{1,3}	de 1 a 3
{3,}	pelo menos 3 (3 ou mais)
{0,3}	até 3
{3}	exatamente 3
{1}	exatamente 1
{0,1}	zero ou 1    (igual ao opcional)
{0,}	zero ou mais (igual ao asterisco)
{1,}	um ou mais   (igual ao mais)

Note que o {1} tem efeito nulo, pois 6{1} é igual a 6. Pode ser útil caso você queira impressionar alguém com sua ER, pode encher de {1} que não mudará sua lógica. Mas observe os três últimos exemplos.

Com as chaves, conseguimos simular o funcionamento de outros três metacaracteres, o opcional, o asterisco e o mais.

Se temos as chaves que já fazem o serviço, então pra quê ter ou outros três? Você pode escolher a resposta que achar melhor. Eu tenho algumas:

Como você pode perceber não há uma resposta certa. Então todas as especulações acima podem ser corretas. Invente uma e me mande, vamos fazer uma coleção!

Ah, e sendo {0,} algo mais feio que um simples *, isso também pode ser usado para tornar sua ER grande e intimidadora. Só cuidado para não atirar no próprio pé e depois não conseguir entender sua própria criação...

Resumão


Índice Anterior Próxima