MoneyLog em Catalão 2 – O Retorno

Como foi muito boa a recepção para o vídeo do MoneyLog em catalão, que fiz dias atrás, resolvi fazer outro. Dessa vez, são tarefas simples, apenas para resolver o que tinha ficado de pendência no vídeo anterior: formato da data e créditos ao tradutor.

Felizmente, não apareceu nenhum problema (milagre!) e o código do MoneyLog ainda estava fresco na memória, então foi tudo bem rápido. Deu 7 minutos no total.

Olha aí, quem não gostou do outro vídeo porque era muito extenso, agora vai ter que ver e dizer que tá massa :)

As tarefas de programação foram bem simples, mas estão recheadas com dicas sobre o TextMate, Google Code, pegadinha das aspas (de novo!) e recomendação para escrever um changelog bem descritivo.

Esse vídeo reflete melhor como é a rotina quando tudo dá certo :)

Mais uma vez, sem ensaio, sem cortes, sem edição:

Roteiro:

  • 0:30 — TextMate: Como abrir uma pasta com seus arquivos
  • 0:46 — Arrumando o dateFormat para ser dia-mês-ano.
  • 1:15 — Colocando a tradução da mensagem msgLoading.
  • 1:31 — ATENÇÃO! Pegadinha das aspas, sempre elas!
  • 2:25 — Pendência do help: adicionar o nome do tradutor.
  • 2:53 — TextMate: Control-Shift-W para colocar a tag P em volta do texto.
  • 3:09 — TextMate: Command-B para negrito.
  • 3:33 — TextMate: Control-Shift-L para fazer um link em HTML.
  • 4:09 — TextMate: Fazendo status e diff no SVN.
  • 4:47 — Escrevendo mensagem de Changelog
  • 5:21 — Mac: Option-; para fazer o caractere … em vez dos três pontinhos …
  • 5:44 — A importância de um changelog bem descritivo.
  • 6:08 — Commit.
  • 6:23 — Conferindo o commit no Google Code.
  • 6:32 — O diff colorido do Google Code é mais preciso e mostra a diferença dos caracteres dentro da linha, coisa que o diff normal não faz.

DICA: Se você for ver o vídeo lá no YouTube é melhor, dá pra clicar nos números e pular direto para trechos específicos.

— EOF —

Gostou desse texto? Aqui tem mais.

comments powered by Disqus